Quarentonas

Friday, November 14, 2008

Quando te fores

Quando te fores
e de ti não houver mais do que um sonho,

quando te disfarçares no meu passado
como um sorriso depois das lágrimas,

quando eu viver das réstias de luz
do teu amor perdido,

será Outono e eu verei na sombra
o meu velado abrigo de ilusões.

Serás um arco-iris
ou uma asa…

(sei lá!)

… qualquer alma
solene e criadora.

Deus!


1 Comments:

At 5:51 AM, Blogger JAM said...

Faz tempo heinnn!!!
Bjs,

 

Post a Comment

<< Home